Artista: Os Angüeras

Letra da Música Canto aos sete povos de Os Angüeras

< Os Angüeras

Quem bebe das águas do rio uruguai, minha São Borja
Não te esquece mais
Não, não e não
Não te esquece mais

Cidade que um dia, a história plantou
No chão da fronteira, as margens de um rio
Rio que é vida
Rio que é flor
Rio que é teu noivo, perdido de amor
A cantarte as águas envoltas tu te vais
E quem dele bebe, não te esquece mais
Não, não e não
Não te esquece mais

Quem bebe das águas do rio Uruguai, minha São Borja
Não te esquece mais
Não, não e não
Não te esquece mais

Cidade que um dia, a história plantou
No chão da fronteira, as margens de um rio
Rio que é vida
Rio que é flor
Rio que é teu noivo, perdido de amor
A cantarte as águas envoltas tu te vais
E quem dele bebe, não te esquece mais
Não, não e não
Não te esquece mais

Ficha Técnica da Música Canto aos sete povos

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Canto aos sete povos de Os Angüeras.

Número de Palavras 131
Número de Letras 872
Intérprete Os Angüeras

Análises de Significado da Letra da Música Canto aos sete povos

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited