Artista: Os Depira

Letra da Música Cada Qual Com Seu Vício de Os Depira

< Os Depira

Quando chega a noite o escuro vem me acordar
Então sigo os meus passos e rumo pra algum bar
A primeira dose sorvo em um gole só
E me sinto em casa ressurjo do meu pó

Eu gosto é de boteco, não falho um dia por mês
Cachaça a um real, um rollmops pro freguês
A sinuca com caída, poetas filhos da embriaguez
Então não me encare com essa pena no olhar
Talvez você não saiba, mas também tens o teu bar
Bem de perto somos uvas da mesma vinha
Então puxe a cadeira essa rodada é minha

Eu gosto é de boteco, não falho um dia por mês
Cachaça a um real, um rollmops pro freguês
A sinuca com caída, poetas filhos da embriaguez

Ficha Técnica da Música Cada Qual Com Seu Vício

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Cada Qual Com Seu Vício de Os Depira.

Número de Palavras 112
Número de Letras 659
Intérprete Os Depira

Análises de Significado da Letra da Música Cada Qual Com Seu Vício

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited