Artista: Observ

Letra da Música Alterego de Observ

< Observ

Como cores distintas eu tenho mal em mim
Quando nossa natureza só quer me ver sofrer
Não há harmonia dentro de mim
Nem sinergia em viver em paz
Quando começo a refletir
Me arrependo da maneira em que vivi
Minha culpa meu ego meu eu
Me fez desperdiçar muito tempo
Que não volta mais

Você faz de tudo para me ver cair
Armadilhas para me destruir
Sei que desde o começo o mal habita em mim
Mas a guerra é constante e eu não vou desistir
A todo momento tentam nos controlar
No conflitos emergem, tento não te escutar
A real inclinação no meu coração
Ceder a vaidade ou buscar a verdade

Quando começo a refletir
Me arrependo da maneira em que vivi
Minha culpa meu ego meu eu
Me fez desperdiçar muito tempo
Que não volta mais
Você faz de tudo para me ver cair
Armadilhas para me destruir
Sei que desde o começo o mal habita em mim
Mas a guerra é constante e não vou desistir

Você faz de tudo para me ver cair
Armadilhas para me destruir
Sei que desde o começo o mal habita em mim
Mas a guerra é constante e não vou desistir
Em tempos de escolhas
Quem fala mais alto
O mal que convém
O bem que dispõe

Você faz de tudo para me ver cair
Armadilhas para me destruir
Sei que desde o começo o mal habita em mim
Mas a guerra é constante e eu não vou desistir
Você faz de tudo para me ver cair
Armadilhas para me destruir
Sei que desde o começo o mal habita em mim
Mas a guerra é constante e eu não vou
Não não não

Ficha Técnica da Música Alterego

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Alterego de Observ.

Número de Palavras 240
Número de Letras 1498
Intérprete Observ

Análises de Significado da Letra da Música Alterego

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited