Artista: Indiegentes

Letra da Música Vira-Copos de Indiegentes

< Indiegentes

Não vem me confundir
Pegue as suas coisas e saia já daqui
Não vai me esperar
Se tá errado aqui não é o meu lugar

Não vem pra cá sorrir
Que eu me despedaço assim que tu sair
Mas vem me visitar
Pra tomar um café ou desabafar

Foram várias noites em claro
Escrevendo sobre o teu abraço
Virando copos a cada espaço
E ainda me pergunto o que eu faço

Eu me afogo no raso
No raso dessa relação
O que eu queria era mais forte
Mas fraco é teu coração

Foram várias noites em claro
Escrevendo sobre o teu abraço
Virando copos a cada espaço
E ainda me pergunto o que eu faço

Foram várias noites em claro
Escrevendo sobre o teu abraço
Virando copos a cada espaço
E ainda me pergunto o que eu faço, meu bem

O que eu faço?
(Meu bem)
O que eu faço?
(Meu bem)
O que eu faço?
(Meu bem)
O que eu faço, meu bem?

Ficha Técnica da Música Vira-Copos

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Vira-Copos de Indiegentes.

Número de Palavras 134
Número de Letras 926
Intérprete Indiegentes

Análises de Significado da Letra da Música Vira-Copos

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited