Artista: Zé de Santa Cruz

Letra da Música Engenho Velho de Zé de Santa Cruz

< Zé de Santa Cruz

Esse gado magro
Este chão rachado
O carro de boi se arrasta pelo chão
Eu já fiz acero
Envolta do rancho
O sol do amarente leva a procissão
O engenho velho já moeu a cana
Já fiz o melado pro doutor patrão

Sou feito da terra
Abraço o meu roçado
Sou um sonhador
Este homem suado
Essa viola triste
Este sofredor

Já cambitei lenha lá no tombador
Pro engenho velho
Prá ganhar o pão
Já sofri os diabos
Já rolei no chão
O coração geme
A viola clama
A dor do sertão
Já cambitei lenha lá no tombador
Pro engenho velho
Prá ganhar o pão

Ficha Técnica da Música Engenho Velho

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Engenho Velho de Zé de Santa Cruz.

Número de Palavras 81
Número de Letras 639
Intérprete Zé de Santa Cruz

Análises de Significado da Letra da Música Engenho Velho

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited