Artista: Oswaldinho do Acordeon

Letra da Música Forró em Caruaru de Oswaldinho do Acordeon

< Oswaldinho do Acordeon

No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu

Eu nunca vi, meu cumpade
Forgansa tão boa
Tão cheia de brinquedo e de animação
Bebendo na função, dançamo sem parar
Num galope de matar
Nas alta madrugada
Por causo de uma danada que vêi de tacaratu
Matemo doi sordado, quato cabra e um sargento
Cumpade mané bento só faltava tu

No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
Meu irmão gesuíno grudou numa nêga
Xamego de sujeito valente e brigão
Eu vi que a confusão não tardava a começá
Pois um cabra de punhá
Com cara de assassino
Partiu pra gesuíno e tava feito o sururu
Matemo doi sordado, quato cabra e um sargento
Cumpade mané bento só faltava tu

No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
Olha o doutor delegado que é velho e trombudo
Eu disse que naquela grande confusão
Houve até uns arranhão
Mas os cabra morredô
Nesse tempo de calô tinha a carne reimosa
O véio zombou da prosa eu fugi do caruaru!
Matemo doi sordado, quato cabra e um sargento
Cumpade mané bento só faltava tu

No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu

Eu nunca vi, meu cumpade
Forgansa tão boa
Tão cheia de brinquedo e de animação
Bebemo na função, dançamo sem parar
Num galope de matar
Nas alta madrugada
Por causo de uma danada que vêi de tacaratu
Matemo doi sordado, quato cabra e um sargento
Cumpade mané bento só faltava tu

No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu

O meu irmão gesuíno grudou numa nêga
Xamego de sujeito valente e brigão
Eu vi que a confusão não tardava a começá
Pois um cabra de punhá
Com cara de assassino
Partiu pra gesuíno e tava feito o sururu
Matemo doi sordado, quato cabra e um sargento
Cumpade mané bento só faltava tu

No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu
No forró de sá joaninha em caruaru
Cumpade mané bento só faltava tu

Olha o doutor delegado que é velho e trombudo
Eu disse que naquela grande confusão
Houve até uns arranhão
Mas os cabra morredô
Nesse tempo de calô tem a carne reimosa
O véio zombou da prosa eu fugi do caruaru!
Matemo doi sordado, quato cabra e um sargento
Cumpade mané bento só faltava tu

Ficha Técnica da Música Forró em Caruaru

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Forró em Caruaru de Oswaldinho do Acordeon.

Número de Palavras 398
Número de Letras 2914
Intérprete Oswaldinho do Acordeon

Análises de Significado da Letra da Música Forró em Caruaru

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited