Artista: Irmãos Levita

Letra da Música Mão Misteriosa de Irmãos Levita

< Irmãos Levita

I
O rei deu um grande banquete,
A mil dos seus grandes,o rei dos caldeus.
Havendo o rei provado o vinho,
Trouxe os vasos de ouro,da casa de Deus.
Bebiam nos vasos de ouro,
Com as mulheres zombavam,do Deus dos judeus.

Louvaram deus de ouro e de prata,
De cobre e de pedra,que não eram Deus.
Tudo ali eram mil maravilhas,
Encheu de alegria o palácio real.
Uma visão ao rei surpreendia,
A mão que escrevia,defronte ao castiçal.
O semblante do rei decaía,ninguém compreendia,
A escritura afinal.
Mene,mene,téquel ufarsim,uma escritura assim,nunca
O rei viu igual.

II
Mene,mene,Daniel disse ao rei,
Contou Desu seu reino e acabou.
Téque,foste pesado na balança,
Em falta com Deus,o rei se achou.
Perez,dividiu o seu reino
E na mesma noite, o rei expirou.
Porque o rei no seu grande banquete,
O Deus que eu louvo,o rei não glorificou.
Foi escrito pelo dedo de Deus,
O maior mandamento,da bíblia querida
Esta escritura,também ela pertence,
Para ser um crente Jesus te convida.
Ele disse que no céu há alegria,
Por uma alma que a Ele,volta arrependida.
Lá no céu,uma mão misteriosa,
Escreve seu nome,no livro da vida.

Ficha Técnica da Música Mão Misteriosa

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Mão Misteriosa de Irmãos Levita.

Número de Palavras 157
Número de Letras 1150
Intérprete Irmãos Levita

Análises de Significado da Letra da Música Mão Misteriosa

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited