Artista: Irmão Amaro

Letra da Música Front das Trincheiras de Irmão Amaro

< Irmão Amaro

Bagulho tá louco
Se liga na fita, aqui na vila
Trabalhador revoltado
Com a sua vida
Dinheiro da passagem às vezes não tem
Pega buzão, metrô e trem
Lotado, estrumbado
Pra sustentar idoso e neném
Nervoso, deseja o crime
Mas para e pensa
E vê que essa quimera
Não compensa
Enquadra o burguês
Leva o lucro do mês
E faz a família de refém
No banco, carrega os malotes
Esperto com sua Glock
Mas tá ligado que no final
Ou é xadrez ou morte
Entre cabeça de madame
E o trampo no lava-rápido
Prefere limpar o carro
Do que tortura com ácido
A reza e a devoção
Não faz mais sentido
Cuzão do Alphaville diboa
E eu aqui, catando lixo
Por isso que eu acredito
Na teoria do Eduardo
Todo Homo Money
É um bicho desenfreado
Por dinheiro e mais dinheiro
Trem bala sem freio

Refrão
Playboyzada
Fica ligeira
Que os manos aqui do gueto
Tão nos front das trincheiras
Rato de terno
Candidato do caô
Só pela Ak, a solução pro Congresso
Você mesmo provou

2018
Ano de eleição
Foram eleitos vários canalhas
Bando de sem noção
Eduardo Bolsonaro
Marco Feliciano
Kim Kataguiri, Frota
Paschoal, Russomano
Farinha do mesmo saco
Que não olha pro barraco
Da família de desempregados
Enquanto uns magnatas
Viaja por Paris
A menininha do orfanato
Ninguém a quis
Tem uns parasitas
Que sustentam as suas amantes
O moleke do Damasceno
Presencia cenas chocantes
O Stallone gostou tanto
Que fiquei empolgado
Em gravar Os Mercenários
Deixar gringo impressionado
Até o Jason Statham
Ficaria surpreso
Com o tratamento da Rota
Pros cara que vão preso
E com os efeitos especiais
Que a Pm lança
Manifestante perde visão
Lutando por mudança

Refrão 2x
Playboyzada
Fica ligeira
Que os manos aqui do gueto
Tá nos front das trincheiras
Rato de terno
Candidato do caô
Só pela Ak é a solução pro Congresso
Você mesmo provou

A aliança podre
Dessa dupla endinheirada
Não compra o orgulho
Da nossa rapaziada
Político e boy
Aqui não tem vez
Ou ajuda a favela
Ou é ódio eterno por vocês
Pode não ouvir
Mas aqui vai um lembrete
Os Chuck periférico
Tão com fome e tão com sede
Fome de alimento
Porque a panela tá vazia
E sede de vingança
Por quem aplaude a polícia
"Bandido bom
É bandido morto
Tem que mata memo
Esses caras lá do morro"
Frase generalizada
Chavão da burguesia
Vamô vê quem mata mais
Segundo os índices da Anistia
Só vai entender
Quando tiver na situação
Voltando do trabalho
E tromba o caveirão
Até cê explicar
Que focinho de porco não é tomada
Seu corpo já vai tá
Esticado na calçada

Refrão
Playboyzada
Fica ligeira
Que os manos aqui do gueto
Tá nos front das trincheiras
Rato de terno
Candidato do caô
Só pela Ak é a solução pro Congresso
Você mesmo provou

Ficha Técnica da Música Front das Trincheiras

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Front das Trincheiras de Irmão Amaro.

Número de Palavras 352
Número de Letras 3106
Intérprete Irmão Amaro

Análises de Significado da Letra da Música Front das Trincheiras

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited