Artista: Indjo

Letra da Música Cidade de Papel de Indjo

< Indjo

Sample monja coen
A vida é transitória, passageira
Nada é fixo nem permanente
Não só a vida em si
Mas também as coisas que nós
Adquirimos e perdemos. e tudo é transitório
O que era ontem pode não ser hoje
Como é que vai ser? que coisa maravilhosa essa
Existência de tanta novidade! a gente fala que
É "tudo igual", é igual nada, cada dia é único
Nada jamais se repete, tudo acontece uma única
Vez, esse nosso encontro hoje aqui agora é
Único, jamais se repetira, cês podem todos
Virem daqui na uma semana, sentar nos mesmos
Lugares com a mesmas roupas, não será igual
Nós estaremos diferentes. começa a apreciar
A existência, a viver com plenitude
Com energia, gostando de estar vivo!
Tudo na vida só acontece uma única vez

Eu sou pedra rolando
Em direção ao acaso
Aproveitando o momento
Que parecia vago

Entrelaçando o paralelo
A partir de cada nota
Alimentado de poesia
Construindo anedota

Sem autor sem roteiro
Livre para inspiração
As palavras me ensinaram
A sair dessa prisão

Me rego de amor
Com tempero de emoção
A arte me criou
Eu faço dela minha ação

De boas intenções
O inferno tá cheio
Muitos querem ser bolacha
Mas tá faltando recheio

Vazios de seu modo
Tão completos de ser
Convictos que evolução
É ganhar e vencer

Mas vencer é ilusão
Pra te tratar como gado
Plano infalível
Para quem ta no reinado

Eu vejo um mundo
Formado por um mix
Um tanto de george orwell
Com um pouco de matrix


Eu aprendi
Que a vida aqui é louca
To esperado a abdução
Cadê a navilouca?

Espero que me levem
Mais para perto do céu
Pois logo vai chover
Nessa cidade de papel

Cada gota que cai
Resume o que somos
Nessa fabrica viril
Destruidora de sonhos

Loucura é ser
Aquilo que não se é
Cada vez mais normal
Codinome zé

Até o amor
É crime até onde sei
Mas enquanto ele for
Serei um fora da lei

Só assim pra seguir
Na destruição de reis
Quem nasceu pra ser vilão
Nunca vai virar sensei

Amém
À toda trasnformaçao
Que vem do fundo do peito
Em forma de canção

Buscai a verdade
Acima de todos e tudo
Abre a sua visão
Antes que te tornem mudo

Pois o mundo
Ele está desequibrado
E os equilibristas
Então encuralados

Largados nos cantos
Por falta de interesse
Cadê o astronauta tupi?
Está em frente a parede

Ficha Técnica da Música Cidade de Papel

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música Cidade de Papel de Indjo.

Número de Palavras 317
Número de Letras 2597
Intérprete Indjo

Análises de Significado da Letra da Música Cidade de Papel

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.

Amazon Music Unlimited