Cesar Oliveira & Rogério Melo

Cesar Oliveira & Rogério Melo - Letras de Músicas

< Artistas iniciados com "c"

Conheça as 176 letras de músicas de Cesar Oliveira & Rogério Melo cadastradas no nosso site. Clique em cada uma delas para acessar detalhes diversos.

Amazon Music Unlimited

1. A Boa Vista do Peão de Tropa

Nos rincões da minha querência arrabaleira conforme a; vontade; Me serve um mate pampa minha nesta vidinha que me; destes; Antes que embeste a novilhada pra o mundo alheio das; porteiras; Saúdo a poei...

Veja a letra completa da música A Boa Vista do Peão de Tropa


2. A Cusco E Mangaço

Quando esparramo meu laço; Calçando o zaino na espora; Num combate campo fora; Contra um boi mandando pata... Quis a "mala suerte" ingrata; Que eu errasse aquele pealo; E que rodasse o cavalo; "Virge ...

Veja a letra completa da música A Cusco E Mangaço


3. A Morte de Um Potro

Na pata do potro o talho do arame; Do sangue no pasto o golpe no chão; Se desata a rédia e a canpana do estrivo; Vai sonando nos bastos numa prece ao rincão. ; A morte de um pingo na lida da doma; É t...

Veja a letra completa da música A Morte de Um Potro


4. A Pau e Grito

As nova corre pra porta; E as veia bate a janela; Quando eu cruzo na cancela; Disposto a me incomodar; Não sou muito de adular; Quem desfaz dos meus arreio; Saco, na trança do reio; E no grito de u pá...

Veja a letra completa da música A Pau e Grito


5. A Pior É Minha

Hoje tem baile ali no salão da vila; Pois nem que me falte uns pila; Me acarancho no entreveiro; Bombacha larga e lenço atado a meia espalda; Como quem vai sacar as balda; De um redomão caborteiro; Sa...

Veja a letra completa da música A Pior É Minha


6. A Uma Tropilha Veiaca

Inté parece que o chão vem se abrindo aos poucos quando esses loucos se entropilham na invernada; E vem roncando marcando a casco este pampa mostrando a estampa topete e cola aparada; Zainos, tordilho...

Veja a letra completa da música A Uma Tropilha Veiaca


7. Abagualado

Se abaguala o meu destino; Se abaguala; Frente a gana quem buçala os meus anseios teatinos; Que me sustentam genuíno; Junto a algo que me embala; Se abaguala; Se abaguala o meu destino; Entropilho est...

Veja a letra completa da música Abagualado


8. Alma Campeira

Só no nasci de "acavalo"; Mas me criei campo a fora; Pachola pelas coxilhas; Num gauderiar de Xiru; Sentado num paysandu; Tinindo aço da espora; E sempre que alço a perna; No ermo das madrugadas; Bril...

Veja a letra completa da música Alma Campeira


9. Alma de Fronteira

Chapéu tapeado pra enxergar de ponta a ponta; Lenço vermelho, bandeira de um maragato; Estampa guapa, tronqueira do nosso Estado; Enforquilhado num baio "ovo de pato"; Espora buena, "buzinuda", tilint...

Veja a letra completa da música Alma de Fronteira


10. Amanhecido

A manha pedindo cancha; Sobre a missa dum balcão; Onde o padre é um bolicheiro; E a canha que dá a benção; Vão doutrinando os paysano; Num batismo de fronteira; Que vai fazendo um esparramo; Na ideia ...

Veja a letra completa da música Amanhecido


11. Ao Presentear Um Cavalo

Tem estrelas nas retinas, e o pêlo da cor da aurora; Nas crinas fachos de luz, não precisa mango, espora; Com a paz das aves do campo, tranqueando sobre o milhal; Reflete a cara no açude, por sobre o ...

Veja a letra completa da música Ao Presentear Um Cavalo


12. Ao Trote

Atraquei na lida nas "quatro semana"; "Tá" sobrando grana dentro da guaiaca! Vou "campiá" uma sanga pra "deixá" a "cascarra"; E atirar as garras num "lombo de faca"; "Estopiado da doma" mas cheio de â...

Veja a letra completa da música Ao Trote


13. Apaisanado

Floreio o bico da gansa; Nesta gateada lobuna; A melhor da minhas alunas; Na doma tradicional; Por favor não levem a mal; Este meu jeito fronteiro; Filho de pai brasileiro; Hijo de madre oriental; Não...

Veja a letra completa da música Apaisanado


14. Apegos E Anseios do Meu Canto

APEGOS E ANSEIOS DO MEU CANTO. PROCEDENCIA – APEGOS E ANSEIOS DO MEU CANTO. Rezo esta prece frente ao altar que me atrai; Aquerenciado nesta crença que levanto; junto ao apego que sustenta minha gana;...

Veja a letra completa da música Apegos E Anseios do Meu Canto


15. Assim Sou Eu E Me Vou

Sou eu; Sou eu que ponteio a tropa que vem na volta da; estrada; Sou eu; Sou eu que reponto a eguada que vem na frente do gado; Sou eu; Sou eu de chapéu tapeado sustentando o meu destino, teatino; Sou...

Veja a letra completa da música Assim Sou Eu E Me Vou


16. Baia Sebruna

Se foi assim tastaveando como querendo rodar; "Pra mode" não se estropear "tentiei" o bico do freio; Égua maleva, esta baia com cismas de renegada; Cria de raça estragada que há tempos redomoneio; ; J...

Veja a letra completa da música Baia Sebruna


17. Baile Gaúcho

Uma Morena de "cruza" em arroio fundo; "Cosa" mais linda do mundo, era o destaque da sala; de vez enquanto se luzia e gavionava; E há tempos eu cobiçava pra debaixo do meu pala. ; Passou bailando e me...

Veja a letra completa da música Baile Gaúcho


18. Bastos, Potros E Guitarras

Basto, potros e guitarras; Guitarras, potros e bastos; Cantigas cheirando a pastos; Milongas, polcas, chamarras; Um maula berrando forte; Um “recal” ringindo os tentos; “Contra-punteando” com os vento...

Veja a letra completa da música Bastos, Potros E Guitarras


19. Batendo Cangaia

# Camila L. Moraes. ; A ânsia é baguala por baile me adula, pois hoje; faceiro; me juntei com uns pila e logo de noite o retoço é uma; fula, e logo de noite o retoço é uma fula, com china; e; cordiona...

Veja a letra completa da música Batendo Cangaia


20. Brotei do Chão Das Boconas

Sou peão de estância encruado; Nasci num catre de barro; Por isso aqui me agarro; Cantando a um pago sagrado; Fui benzido e batizando; Na fumaça do retoço; Que me fez desse alvoroço; Gaucho de corpo e...

Veja a letra completa da música Brotei do Chão Das Boconas


21. Cabanha Toro Paso

Lindera ao passo velho do Toro Passo; Desde os tempos da linha férrea; Passando o bolicho do Gaiola, A vida lá fora; Vista do "Arroio do Fundo", Me cala fundo; Quando apeio ali, na Cabanha Toro Passo;...

Veja a letra completa da música Cabanha Toro Paso


22. Cabanha Touro Passo

Lindera ao passo velho do Toro Passo; Desde os tempos da linha férrea; Passando o bolicho do Gaiola, A vida lá fora; Vista do "Arroio do Fundo", Me cala fundo; Quando apeio ali, na Cabanha Toro Passo;...

Veja a letra completa da música Cabanha Touro Passo


23. Campeiros

"Olha a mangueira cavalo! Ecoa lá no potreiro; Vem se tropando matreiros sobre o charco do barral; Encosta potros na forma, roncando ventre e virilha; Até que toda a tropilha mete a cara no buçal; Gra...

Veja a letra completa da música Campeiros


24. Campo E Fé

# Camila L. Moraes. ; É coisa braba quando um "murco" se embodoca; Mete as patas na ?cangaia? e esconde a cara abrindo; toca; Parece que o chão se muda vai pra "hiba" do chapéu e; a gente tem a impres...

Veja a letra completa da música Campo E Fé


25. Cantiga Para O Meu Chão

Sinto na goela a força desta cantiga; Que certamente há de irmanar o meu povo; Pra que a esperança e humilde se acolherem; E se entreverem na busca de um mundo novo; Erguendo ranchos de santa fé e pau...

Veja a letra completa da música Cantiga Para O Meu Chão


26. Cavalinho de Pau

Meu cavalinho de pau; Crioulo da fantasia; Tinha a cola que não crescia; E a boca sem comer pasto; Tinha o lombo meio cião; E o pescoço de gavião; E uma rachadura no casco. ; Tinha raça de taquara; Cr...

Veja a letra completa da música Cavalinho de Pau


27. Chacarera da Coragem

Suelo arriba abajo el cielo; Por nuestra pampa luchamos; Es venues de los hermanos misma color de panuelo; Igual esta chacarera por supuesto maragata; Quando alguém me desacata prova o fio da carneade...

Veja a letra completa da música Chacarera da Coragem


28. Chacarera Do Tempo

É um potro que bate patas sobre os tambores da terra; Feito quem declara guerra ao que se chama presente; É o que transforma em ausente quem nos parecia eterno; É o verão que vira inverno no fim do ci...

Veja a letra completa da música Chacarera Do Tempo


29. Chakay Manta

Muy adentro el corazon; Donde palpita la vida; Siento como un comezon; Hai ser mi prenda querida; Cuando pase por tu rancho; Muy cerca e la madrugada; Machadito con aloja; Lei cantar una vidala; Anoch...

Veja a letra completa da música Chakay Manta


30. Chasque Pra Dom Munhoz

Amigo Élbio Munhoz; Meu chasque não tem floreio; Eu uso bombacha larga; E chapéu de metro e meio; Botas de garrão de potro; Laço, pealo e gineteio; E me sustento pachola; Da serventia do arreio. ; Por...

Veja a letra completa da música Chasque Pra Dom Munhoz


31. Chasque Pra Um Domador

Moreno Roberto Gomes, um grande abraço apertado; Recebe este meu recado no lombo desta vaneira; Distante aqui da fronteira a saudade invade o peito; E peço se for de jeito, na Santo Amaro tu chega; Pe...

Veja a letra completa da música Chasque Pra Um Domador


32. Chegada

Sejas Bem-vindo mano velho; Sejas Bem-vindo irmão de outro rincão; Aceso o fogo, mate pronto; A cuia vai rodar de mão em mão; Desencilha o teu pingo "hermano fierro"; Chega pra diante esta em casa meu...

Veja a letra completa da música Chegada


33. Com A Alma Presa Na Espora

De madrugada alço a perna num tição; Mirando o fogo ao despacito mateio; E o vento norte reponta o romper da aurora; Arrasto espora e dou de mão nos meu arreios; Garrão de potro bem sovado ao meio-pé;...

Veja a letra completa da música Com A Alma Presa Na Espora


34. Coplas de Andarengo

E; Oiga-tê saudade braba; que nem mutuca picaça; F#m; diz o andarengo que passa; olhando longe a querência; A B7; com os olhos cheios de ausência; E; no corredor vai passando; B7; é como um pássaro pe...

Veja a letra completa da música Coplas de Andarengo


35. Coplas de Um Tosador

Tá chegando as esquila!!! Já sinto o cheiro de cêra; E as comparsas da fronteira; Já andam reculutando; A indiada "flor de tesoura"; Que "grude" de toda folha; E o couro fique "alumiando"; Já desaguac...

Veja a letra completa da música Coplas de Um Tosador


36. Coração de Cordeona

Meu coração de cordeona; Campeia aguada no pago; Que a comichão pelo trago acende a alma gaviona; E um trotesito do baio; Parece até que adivinha que alguma tipa daninha; Que adone nos meus carinhos; ...

Veja a letra completa da música Coração de Cordeona


37. Crescente Macharrona

A enchente chega tapando todo o banhado; E o "Santa-Fé" pega um nado; Quando vem clareando o dia; A vaca berra no pelado do rodeio; Reclamando o tempo feio; Comendo a palha da cria; O vento sopra num ...

Veja a letra completa da música Crescente Macharrona


38. Crioulo Das Tres Vendas

Me justei de peão de campo; Na "Estância da Cordilheira", Num rincão de Encruzilhada; Terra buenacha e grongueira; E me topei com uma eguada; Orelha curta e traiçoeira; Cria de um cuiudo toro; Que vei...

Veja a letra completa da música Crioulo Das Tres Vendas


39. Da Alma de Dom Emílio

Foi bem assim dês de cedo; E a filosofia é essa; Que bem mais taura é quem empeça; O dia com pé esquerdo; E entre manhas e segredos; O meu instinto vagueia; Minha alma troca “oreia”; Meu coração escra...

Veja a letra completa da música Da Alma de Dom Emílio


40. Das Coisas Simples da Gente

Uma gaita de botão um candeeiro enfumaçado; Um bailezito ajeitado num ranchito de torrão; Onde a própria evolução se apeia de madrugada; Matando a sede na aguada da mais pura tradição; Um rangido de b...

Veja a letra completa da música Das Coisas Simples da Gente


41. Das Volteadas de Uma Estância

Inda nem rompeu aurora nos confins do firmamento e já se vê o movimento da indiada arrastando espora, Então parece que as horas passam mais desapercebidas e as ansiedades da vida, ela emboca de algum ...

Veja a letra completa da música Das Volteadas de Uma Estância


42. De Cacho Atado

De cacho atado; ; Esse meu jeitão antigo; De falar de pingo Bueno; Égua que esconde o toso; Se arrastando no sereno; E uma estância de fronteira; Com paraísos copados, E um pala feito bandeira; Num ve...

Veja a letra completa da música De Cacho Atado


43. De Campo E Alma

O meu lema vem da alma; Minha alma esta nos campos; Acendendo pirilampos nalguma lua minguante; O trote que me garante a certeza de chegar; Ao mas profundo lugar é a plenitude do ser; A certeza de viv...

Veja a letra completa da música De Campo E Alma


44. De Estrela A Estrela

Quando a boieira linda aponta; De manha no alto da telha; O pai-de-fogo acende a ponta; Com as faíscas dessa estrela; ; Seu clarão acorda os galos; Chia o bico da chaleira; Une os bois toca os cavalos...

Veja a letra completa da música De Estrela A Estrela


45. De Noite Ao Tranco

Meu pingo quebra o silêncio de noite mascando o freio; Contraponteando com a sanga que vai serpenteando anseios; Reculuta uma esperança quando solito estradeio; Uma saudade se perde rondando trevo e m...

Veja a letra completa da música De Noite Ao Tranco


46. De Noite no Galpão

O pai de fogo do universo se bolqueia; A noite chega arrastando as nazarenas; Traz tropilhas de estrelas no cabresto; E uma brisa sopra morna e serena; Noite clara que até parece um dia; Pra uma caçad...

Veja a letra completa da música De Noite no Galpão


47. De Potros E De Pegadas

Cola e crina e maçaroca esvoaçam na mangueira; Levantando polvadeira; A ânsia bruta do potro; Que tropeando aos encontro; Alvorota o mansarão; E a corda sobe do chão, pau fervido do pescoço; E a corda...

Veja a letra completa da música De Potros E De Pegadas


48. De Quando Um Malo Se Bolca

Se arrastou batendo forte, fazendo rumor na guela, saltou caindo na volta; se guasqueando de costela; mal deu tempo pra o "paisano"; atira um beijo pra ela; e maldito se "bolco"; junto a estronca da c...

Veja a letra completa da música De Quando Um Malo Se Bolca


49. De Saltar Calando

E de vereda parceiro que o golpe firma na trança; Se o braço busca distância no estender da canhada; Uma terneira abichada que achata a cola por conta; Ritual gaúcho na estampa desta querência sagrada...

Veja a letra completa da música De Saltar Calando


50. De São Miguel À Mercedes

Na garupa do vento, veio um gritito pra mim; Riscado de adaga e lança, lutando pra não ter fim; E um gritito campeiro que já serviu de clarim; Bis; Gritou na goela de um taura e agora grita por mim; I...

Veja a letra completa da música De São Miguel À Mercedes


51. De Vida E Tempo

Quando tapeio o meu sombreiro sobre a nuca; O coração me cutuca, bate forte igual cincerro; Sinto que o sangue pulsa mais forte nas veias; Parece que me arrodeia o assombro de Martin Fierro; Me criei ...

Veja a letra completa da música De Vida E Tempo


52. Décima Dos Potreadores

# Camila L. Moraes; Enquanto o mundo for mundo; E um potro arrastar o toso; Se "orquetá" num cusquilhoso; Será ginete constância; E na mangueira das estâncias; A formar a cavalhada; Haverá uma reserva...

Veja a letra completa da música Décima Dos Potreadores


53. Depois da Lida

No ranchito já me espera a companheira; Com um amargo bem cevado só pra mim; E na estrada quando ela vê a poeira; Fica feliz porque meu dia chega ao fim. ; Me recebe com um sorriso cristalino; E já en...

Veja a letra completa da música Depois da Lida


54. Depois de Um Tiro de Laço

O travessão se acomoda numa badana de pardo; Argolas e aço templado sustentam firme o cinchão; Ato a corda bate cocha, pacholeando a campereada; Deixando a volta da armada lá na curva do garrão; India...

Veja a letra completa da música Depois de Um Tiro de Laço


55. Desbocado E Sem Costeio

Tinha um petiço tordilho marca da estância do meio; Refugado por coiceiro, desbocado e sem costeio; Porém o mundo é pequeno, cheio de volta e floreio; E o tal petiço veiaco se topou com os meus arreio...

Veja a letra completa da música Desbocado E Sem Costeio


56. Do São Borja Ao Batovi

Eu fui piazito em muita tosa de manada; Juntando cerda e alcançando marca quente; Eu fui piazito num petiço enforquilado; Pelo banhado, retoçando nas enchentes; Em me criei laçando boi e meia espalda;...

Veja a letra completa da música Do São Borja Ao Batovi


57. Domando

Tomei um trago de canha; E virei o cano da bota; Dei "uns" grito no potreiro; E voltei os boca de grota; Arrastei as minhas "pobrezas,"; Bem pra o meio da mangueira; E a matungada na volta; Fazia uma ...

Veja a letra completa da música Domando


58. Dueto Das Invernias

O inverno chegou guasqueando; Rebencaços de Minuano; Sapecando o couro paisano; E o tapete das sesmarias; Veio arrepiar o pêlo; Do "egüêdo" no socado; Assoviando no aramado; O dueto das invernias; Est...

Veja a letra completa da música Dueto Das Invernias


59. É Bem Assim

É bem assim... Cá no Rio Grande, no garrão deste país; Habita um povo de coragem e que é feliz; Por ter no sangue a descendência farroupilha; É bem assim... O que se fala se garante a todo custo; A li...

Veja a letra completa da música É Bem Assim


60. Eguada

A eguada tocou por diante; E o cincerro vai batendo ao lolargo no corredor; As magoas deixo pra trás; Junto dos rastros do meu zaino tranqueador; Chapéu tapeado e olhar campeiro; E num reponte de egua...

Veja a letra completa da música Eguada


61. Empeçando A Lida

Frente cavalo! O mouro bufa, troca orelhas desconfiado; Levo o buçal, passo o cabresto no pescoço; Choveu à noite, é madrugada, mal clareia; Já na mangueira a cavalhada que é um colosso; Parece aluada...

Veja a letra completa da música Empeçando A Lida


62. Empeçando A Lida!

Frente cavalo! O mouro bufa, troca orelhas desconfiado; Levo o buçal, passo o cabresto no pescoço; Choveu à noite, é madrugada, mal clareia; Já na mangueira a cavalhada que é um colosso; Parece aluada...

Veja a letra completa da música Empeçando A Lida!


63. Empurrando Tropa

A tropa grande, marca de "S", do "Eduardo Soares", Índo buenacho, cria dos "Guerra" lá de "Santana". Atrês "ontonte" saiu do "Carcáveo" batendo água; E eu vou na estrada, ressabiando as mágoas num flo...

Veja a letra completa da música Empurrando Tropa


64. Entre O Galpão E A Mangueira

Tanta "cosa" aquí se passa; uma conversa parcera; uma costura bem feita; ponteando uma corda chata; Um truco bem orelhado; pra os ressábios de um "embido"; e a bendição da cachaça; na volta de algum b...

Veja a letra completa da música Entre O Galpão E A Mangueira


65. Erguendo A Pátria Nos Tentos

Canto hoje, canto sempre; O que sou e o que tenho; Pois o rincão de onde venho; É o santo chão dos ventenas; Que arrastaram nazarenas; "Sobre tierra e abajo el cielo"; Pela cor deste "pañuelo"; Que ai...

Veja a letra completa da música Erguendo A Pátria Nos Tentos


66. Espiando na Janela

Naquele sábado lindo; Tinha um baile de bombacha; E olhando os outros saindo; Um peão sólito, achou graça; Porque as pilchas que ele tinha; Já estavam muy remendadas; Foram sacos de farinha; Com as le...

Veja a letra completa da música Espiando na Janela


67. Estampa de Peão Fronteiro

Uma perdiz " a lo largo"; Voa e assombra o bagual, Vou tenteando no bocal; E deixo o potro sentado; "Afrouxo" o corpo, e entonado; Faço um bichinho com a boca; Por que um susto é coisa "poca"; Pra que...

Veja a letra completa da música Estampa de Peão Fronteiro


68. Estampa Domingueira

Linda minha estampa domingueira; Quando chego no povoado; Trago além da minha fronteira; Uma sina musiqueira; De quem vem contrabandeando. ; Bueno este potro de rendilha; Num trancão de pisa-flor; De ...

Veja a letra completa da música Estampa Domingueira


69. Estâncias de Fronteira

Guardiãs de pátria, memorial dos ancestrais; Onde trevais nascem junto ao pasto verde; Sangas correndo, açudes e mananciais; Pra o ano inteiro o gadario matar a sede; Grotas canhadas e o poncho do mac...

Veja a letra completa da música Estâncias de Fronteira


70. Eu Não Refugo Bolada

A madrugada traz a aurora nos encontros; O horizonte se adelgaça ao desacito; O sol branindo já nasce todo encarnado; De lombo arcado junto às barras do infinito; Depois que um trago de amargo me aque...

Veja a letra completa da música Eu Não Refugo Bolada


71. Floreios

Neste floreioeu empeço; No velho estilo campeiro; Gauchesco e galponeiro; Sem pretensões de sucesso; Mas é por ordem e progresso; Que minha goela se al vorota; E uma ânsia de revolta; Me atormenta o c...

Veja a letra completa da música Floreios


72. Floreios Pra Um Peão de Campo

A madrugada se atora; No tirão da recolhida; Quando a tropilha estendida; Traz nos encontros da aurora, Um "contrapunto" de esporas; Junto ao galpão se abaguala; Numa cadência que embala; A mais pampe...

Veja a letra completa da música Floreios Pra Um Peão de Campo


73. Frente Ao Teu Grito de Forma

Frente ao teu grito de forma. Procedência - Apegos e Anseios do Meu Canto. ; De caixo atado troteia firme o meu mouro; Luzindo a estampa de pingo dos meus arreios; Me balanceio e tenteio do estrivo a ...

Veja a letra completa da música Frente Ao Teu Grito de Forma


74. Fronteiro de Alma e Pampa

Me chega um cantar de galo, na pampa; Por taura o pingo encilhado, de cacho quebrado pra torear a vida; Branqueia outra geada no campo no corpo, tenho o bichará; Que me aquecerá, até empeçar a lida; M...

Veja a letra completa da música Fronteiro de Alma e Pampa


75. Garreado

O sol que mal tinha clareado; Naquela manhã traiçoeira; Se escondeu na polvadeira; De um corcovo debochado; Que encordoava cadenciado; No embalo de cada berro; Toureando a força dos ferro; De quem vin...

Veja a letra completa da música Garreado


76. GaÚcha

Gaúcha é a querência dos gaúchos; Gaúcha, companheira mãe mulher; É a flor matreira que caiu da corticeira; Foi rio abaixo e se enredou nos aguapés. ; É a vastidão de campo aberto num céu azul; Que aq...

Veja a letra completa da música GaÚcha


77. Golaço Campeiro

Mas que golaço campeiro; Que fez o nego betão; Pegou um bostaço de longe; Lá onde dorme o corujão; D'onde a trave da direita; Se abraça no travessão; Mas que golaço campeiro; Que fez o nego betão; Tal...

Veja a letra completa da música Golaço Campeiro


78. Gritos de Recolhida

Título: Gritos de recolhida; Letra: Rogério Villagran; Música: Ênio Medeiros; Ritmo: Chamamé; ; Anoiteço golpeando o potro; Até que a noite vai embora; Mateando e rondando o fogo; Enquanto a acordeona...

Veja a letra completa da música Gritos de Recolhida


79. Hora do Sossego

Quando o sol treme nas lombas; Relampeando a aba do freio, A mutuca sai do mato; Junta o gado num rodeio; Nesta hora do sosssego; As folhas perdem o guizo; E a "peonada" ressona; Na sombra de um "para...

Veja a letra completa da música Hora do Sossego


80. Humilde Coração

Humilde coração a Deus se entregou; Sem medo acreditou nos planos do senhor; Humilde coração que soube obedecer; A voz do seu Deus, mesmo sem entender; Um puro coração que me ensina a viver; Aquilo qu...

Veja a letra completa da música Humilde Coração


81. Imagens

Não crio imagens bombeando o vão das cancelas; Da moldura das janelas sob a quincha dos galpões; Mas bem montado sobre o lombo do cavalo; Botando pealo em rodeio e marcações. ; Não crio imagens nos ma...

Veja a letra completa da música Imagens


82. Junto Ao Balcão do Bolicho

São tuas garras e a tua boca; Depois de um top na cola; E um picaço lunarejo; Redomoneado a capricho; Tô de folga, hoje é domingo; E uma ansiedade me açanha; Pra golpear um trago de canha; Junto ao Ba...

Veja a letra completa da música Junto Ao Balcão do Bolicho


83. Lá Na Fronteira

Lá donde o campo enfrena o dia, abrindo o peito; No velho jeito de tirar zebú da grota; Se ata espora pra um torão de fundamento; Passando um tento, embaixo do taco da bota; Lá donde o touro mais veia...

Veja a letra completa da música Lá Na Fronteira


84. Lavando A Égua

Empeçando no serviço; Bombeando as barras do dia; A saudade lambe a cria; Vertendo água dos olhos; E se acampa nos rodeios; Campeando os "zainos" da alma; "Recáus" que arrasto por "balda"; Pro lombo d...

Veja a letra completa da música Lavando A Égua


85. Leguera

Leguera querendo vaza; Alí no próprio retumbo; Enforquilhou-se nas azas; Que tem a alma do bumbo; Enforquilhou-se nas azas; Que tem a alma do bumbo; Leguera se fez teatina; Não ficou rastro nem poeira...

Veja a letra completa da música Leguera


86. Lida Campesina

Eu fui criado nesta lida campesina; Por esta terra que o gaúcho desbravou; Gosto de potros com massaroca na crina; Sou peão campeiro que do tempo pelejou; Nem bem clareia eu já dou de mão nas guarras;...

Veja a letra completa da música Lida Campesina


87. Linguagem Pátria de Um Povo

Parece que o firmamento; Se ajoelha e pede perdão; Quando rezo esta oração; Abraçado na guitarra; Parece que o tempo esbarra; E o mundo troca de ponta; Quando meu canto reponta; Minhas inquietudes mai...

Veja a letra completa da música Linguagem Pátria de Um Povo


88. Luz E Bandeira

Quando um cantor de fronteira; Canta sua pátria gaúcha; Traz o povo na garupa; E uma linhagem guerreira; No tempo em que poleadeiras; Cortavam várzeas distantes; Pra sujeitar os rompantas; Daquela egu...

Veja a letra completa da música Luz E Bandeira


89. Machaço Confronto

A chuva calma acolhera uma semana inté a charqueada ainda falta um eito de chão; Sinto saudade dos carinhos da paysana china adorada pra quem dei meu coração; O gado arisco marcha firme ao despacito m...

Veja a letra completa da música Machaço Confronto


90. Marca de Casco

Enxuguei meu cavalo, pra um vinte de setembro; Aliviei o que pude e trabalhei nas estacas; Comprei um preparo de doze e trança pátria; E botei um par de pelegos um laço a bate cola; Atei a cola onde a...

Veja a letra completa da música Marca de Casco


91. Mas Que Baita Gauchada

Numa lobuna, potrinha boba de freio; Apertei bem os arreios, e larguei no rumo da aguada; pra "tomá" um trago e "atirá" um osso ferrado; No bolicho do "Pintado", metendo "suerte clavada"; Trote Monarc...

Veja a letra completa da música Mas Que Baita Gauchada


92. Menos Que Deus E Mais do Que Um Homem

Sombreiro quebrado, tapeado pra cima; Parece obra prima “co´as aba intanguida”; Dois ferros calçados, um igual ao outro; E as botas de potro aquebrantando a vida; Apegos e ânsias, estâncias e rumos; A...

Veja a letra completa da música Menos Que Deus E Mais do Que Um Homem


93. Meu Mundo de Domador

Eguada arisca, manhã cedo, geada grande; Estância linda junto ao marco da fronteira; Estampa rude de boinita retovada; No trote largo da petiça piqueteira; Negro amarante que abre o peito no potreiro;...

Veja a letra completa da música Meu Mundo de Domador


94. Milonga Abaixo de Mau Tempo

Coisa esquisita a gadaria toda; Penando a dor do mango com o focinho n'água; O campo alagado nos obriga à reza; No ofício de quem leva pra enlutar as mágoas; Olhar triste do gado atravessando o rio; A...

Veja a letra completa da música Milonga Abaixo de Mau Tempo


95. Milonga do Pealador

Bem na boca da cancela de uma mangueira pra outra; É onde a vida se "apotra" e o mundo se destramela; Quando um xucro se afivela de mão no seio do laço; Pedindo cancha e espaço faz um osco dobrar os p...

Veja a letra completa da música Milonga do Pealador


96. Milonga Maragata

Chiripá de saco branco; Lenço atado a meia espalda; E uma vincha aqui se esbalda; Na melena esgadelhada; Na cintura, a carniceira; Companheira de degola; E um “Quarenta” de argola; Pra garantir a quer...

Veja a letra completa da música Milonga Maragata


97. Minha Vocação

Vocação é graça concedida pelo céu; Vocação é o chamado de amor que vem de Deus; Nela está minha felicidade; Vocação, Senhor, é fazer tua vontade; Minha vocação; É doar-se por inteiro pelo Cristo, pel...

Veja a letra completa da música Minha Vocação


98. Na Boca da Noite

Na boca da noite... ; Cosquindo a picada; Meu zaino que é um gato; Separa carancho, Bombeando distante; Pras bandas do poente; Parece que sente; O calor de algum rancho. Eu trago na estampa; um jeito ...

Veja a letra completa da música Na Boca da Noite


99. Na Forma

Bota na forma esses beiçudo Tio Florêncio; Que a indiada nova é contratada do patrão; E o João Cabelo capataz da estância velha; Cedo reparte a cavalhada pros seus peão; Forma cavalo grita o velho na ...

Veja a letra completa da música Na Forma


100. Na Hora do Amargo

Ah!Por que este rancho anda tão triste? E esta vidinha vai tão atoa! Só mesmo o pensamento ganha asas; E pra lá do horizonte a gente voa. ; É na hora do amargo que o olhar se perde; Que se pastoreia a...

Veja a letra completa da música Na Hora do Amargo


101. Na Presilha do Laço

Anda muito "maturrango"; Pisando em terreno alheio, Metendo mal o cavalo, Esparramando o rodeio, Tenteando na volta errada; Cheio de estilo e floreio; Mas quando a pampa precisa; Falta comando no arre...

Veja a letra completa da música Na Presilha do Laço


102. Na Solidão de Algum Posto

Solito e manso na solidão de algum posto; Pensando longe mateio "bombeando" a lua; Quando a lembrança se "potreia" e " vira as garra"; Sempre me agarra sentindo saudades tua; Se eu não tivesse que and...

Veja a letra completa da música Na Solidão de Algum Posto


103. Não E Por Nada

Não É Por Nada. Procedência - Regional. ; Não É Por Nada... Que Ando De Chápeu Tapeado, Encilio O Pingo Rosilho; Por Sinal "Mui" Bem Domado. ; Não É Por Nada... Que Eu Uso Bombacha Larga; A Moda Franc...

Veja a letra completa da música Não E Por Nada


104. Nestes Ermos de Fronteira

Vou cortando um fumito sete cordas; Recostado sobre a anca da Tordilha; Quanta coisa este momento me recorda; Mirando lejos esses plainos e coxilhas; Foi aqui, nestes ermos de fronteiras; Que meus avó...

Veja a letra completa da música Nestes Ermos de Fronteira


105. No Cantar Das Nazarenas

Quando as rosetas se agarram no sovaco de um matungo; Eu tiro a sorte aragana pra bailar neste surungo; E “se vâmo” dando volta num despraiado de mundo; Um potro que esconde a cara é coisa braba “a la...

Veja a letra completa da música No Cantar Das Nazarenas


106. No Desdobrar Das Auroras

Hoje o sol nasceu mais cedo; Pra o índio da recolhida; Que trouxe mala extendida; Junto a um primeiro clarão; Faz parte da obrigação; E o cuera que não se entrega; Tenteando grito de pega; Já vem de b...

Veja a letra completa da música No Desdobrar Das Auroras


107. No Rastro de Uma Milonga

Quando pealo uma milonga, sou céu estrela e caminho; Com um coração caborteiro, costeando as cordas do pinho; Sinto o apelo da terra, que anda no vento a vagar; E ouço a voz de um ancestral, me pedind...

Veja a letra completa da música No Rastro de Uma Milonga


108. No Rumo de Um Coração

Patrão; Me empreste um pingo dos buenos; Que tenha trote sereno pra visitar meu amor; Que vou numa marcha estrada a fora; Pra chegar antes da hora que desabrocha uma flor; Talvez, talvez; No rancho qu...

Veja a letra completa da música No Rumo de Um Coração


109. Nos Bailes do Marato

No grito de "frouxá" ponta; Que a culatra "tá" em tirão; A changa faz corpo mole; E o taura arrasta o garrão; O gaiteiro faz floreio; A "de botão" se adelgaça; E o índio mais vaqueano; Se extravia na ...

Veja a letra completa da música Nos Bailes do Marato


110. Nos Galpões

Na quietude, na hora morta; Se põem um grilo a cantar; Com a labareda a clarear; O negror da escuridão; No silêncio do galpão; Um homem de alma serena; Ameniza suas penas; No costado, de um fogão; E e...

Veja a letra completa da música Nos Galpões


111. Num Dia de Mormaço

Junto às barras do infinito mais um dia vem surgindo; O sol já nasce branindo com seu entono machaço; Vermelho que nem as brasas de um pai de fogo de aroeira; Templando o céu da fronteira com previsõe...

Veja a letra completa da música Num Dia de Mormaço


112. Num Posto, Num Fim de Mundo

Troveja mágoas o agosto; Baldas de tempo grongueiro! Trago amilhado um parceiro; Patas brasinas, gateado; Que quando o dia é dos brabos; E o passo se para fundo; Num posto, num fim de mundo; É quem ti...

Veja a letra completa da música Num Posto, Num Fim de Mundo


113. O Campo

Parou o Pampeano; Esbarrou um picaço; Estendeu-se o laço; Da ilhapa a presilha; Do outro lado um gateado; Cinchava uma pata; O boi berra e se estaca; Prevendo a sangria; Na ponta da faca; O destino é ...

Veja a letra completa da música O Campo


114. O Domador E A Molinga

"Na sina de pegar chucros, quando ia caindo a tarde; Nos lábios do domador, uma milonga brotava; Parecia que o bagual, ao receber o bocal; Escutando o assobio, desta marquita, gustava; E se aquietavam...

Veja a letra completa da música O Domador E A Molinga


115. O Que é Sagrado Pra Mim

Há certas coisas na vida; Que são sagradas pra mim; Bom cachorro, bom cavalo, Derrubar terneiro a pealo, (Acreditar no que eu falo, Deus do céu me fez assim.) Bis; A família e o respeito; E o meu pago...

Veja a letra completa da música O Que é Sagrado Pra Mim


116. O Sonho

Quem sabe meu sonho; Ficou negaciando; Na costa de um mato; Nos ritos de um trago; Das últimas luzes; Que estreitam domingos. ; Ficou nas ramadas; Encilhando um mouro; depois da sesteada; ou nas madru...

Veja a letra completa da música O Sonho


117. O Velório do Juca Torto

Fui no velório do querido Juca Torto, Eu era íntimo do morto, Pero mucho más da viúva; Babava águas, pesos de raio e trovão, Entrei de chapéu na mão e poncho encharcado da chuva; Tomei um trago de can...

Veja a letra completa da música O Velório do Juca Torto


118. Onde Andará?

Onde andará a menina da janela? Onde andará a casa branca da menina? Os jasmineiros perfumando o jardim; Que lembro bem dentro da minha retina. ; O coração ainda bate pela querencia; Pela carreta, jun...

Veja a letra completa da música Onde Andará?


119. Os loco Lá da Fronteira

Não "afrouxemo" nem nos "lançante"; Pois "semo" loco de dá com um pau; "Cruzemo" a nado se o rio não dá vau; Neste mundo "véio" flor de cabuloso; E o "mala bruja" quando esconde o toso; Nós "esporiemo...

Veja a letra completa da música Os loco Lá da Fronteira


120. Paleteada

Vem se escorando no freio; se enforcando na peiteira; e quase que se debruça; No grito de upa e se foi; Meu gateado "frente aberta"; "Brazino"nas quatro patas; Devereda se desata; E se acolhera com o ...

Veja a letra completa da música Paleteada


121. Paleteadsa

De vereda me acomodo; Se de um baile, sinto o cheiro, Sacudo o pó da mangueira; Lá no açude no potreiro; Encharco de amor gaúcho; A estampa de um peão campeiro; Porque sei na minha terra; Dá pra confi...

Veja a letra completa da música Paleteadsa


122. Pátria

Pátria pampa descampado; Querência, terra e rincão; Rancho, mangueira e galpão; Destinos entreverados; Lidas de potro e de gado; Unindo pagos fronteiros; Horizontes caborteiros; Que se amansam a cada ...

Veja a letra completa da música Pátria


123. Pequenos Fragmentos de Um Ritual de Campo

Rompe a vida pelo bico de um "galito" em clarinada; A sogueira madrugada volteia a tropa dos astros... Quando lavam-se as caúnas e enlobunam-se os braseiros; A lida estriva os campeiros pra seguir bat...

Veja a letra completa da música Pequenos Fragmentos de Um Ritual de Campo


124. Por Aí

Nesta pampa de meu Deus; Ando eu, e meus cavalos; Por aí...empurrando tropas; Pechando boi nos rodeios; ?bolcando maulas num pealo...! ...também anda um ovelheiro, Talvez por ser meu amigo... Ou por g...

Veja a letra completa da música Por Aí


125. Por Ela

Por ela invernei uma saudade; Trancei tentos na louca da solidão; Por ela eu plantei uma esperança; No solo morto de um triste coração; De um triste coração; Por ela cavalguei fletes alados; Levei nos...

Veja a letra completa da música Por Ela


126. Por Um Abraço

Deu saudade minha linda, deu saudade; Pra dizer bem a verdade foi assim; Era tarde e o meu rancho, por solito; Te encontrou nessa lembrança junto a mim; Repontou saudades doces feito um beijo; No dest...

Veja a letra completa da música Por Um Abraço


127. Pra Bailar de Cola Atada

De vereda me acomodo; Se de um baile, sinto o cheiro, Sacudo o pó da mangueira; Lá no açude no potreiro; Encharco de amor gaúcho; A estampa de um peão campeiro; Porque sei que na minha terra; Dá pra c...

Veja a letra completa da música Pra Bailar de Cola Atada


128. Pra O índio Que Gineteia

Declamação Inicial:; Quando me salta um floreio; De milonga pela boca; Me dá uma vontade louca; De atorá a guitarra ao meio; Sou um homem dos arreios; Conheço parada feia; Pois trago dentro das veias;...

Veja a letra completa da música Pra O índio Que Gineteia


129. Pra Um Gauderiar Estreleiro

Quebro o chapéu pra poder bombear estrelas, Sendo que ao vê-las me parece te enxergar; Forjam teu lume cintilante estas gavionas; Trazendo à tona a ilusão de um andejar. ; Meu doradilho que carrega um...

Veja a letra completa da música Pra Um Gauderiar Estreleiro


130. Pra Um Tal de Eloi Pechada

Assim de susto não fosse Eloi Pechada; Por índio quebra, ser um homem dos arreios; Tinha caído porque o tostado cabano, Por ser veiaco se escondeu num chamarreio; Rédeas domeiras e o basto que é quase...

Veja a letra completa da música Pra Um Tal de Eloi Pechada


131. Prego Na Bota

Faz dias que esta saudade; "Me cutuca" e me incomoda; Pior que prego na bota; Quando empeça a castigar; Que troço mais sem sentido; É um amor mal resolvido; Só um retrato envelhecido; Ficou pra me con...

Veja a letra completa da música Prego Na Bota


132. Quando A Alma Abre As Porteiras

Quando o coração dentro do peito corcoveia; Esporeado pela mansa voz de uma mulher; A alma abre as porteiras nessa hora; E um sentimento grita ao vento que te quer. ; Colho uma rosa no jardim do teu s...

Veja a letra completa da música Quando A Alma Abre As Porteiras


133. Quando Me Perco Num Grito

Eu venho enforquilhado; Nesta guitarra baguala; Que até parece que fala; Num ponteio debochado; A gaita me faz costado; Amadrinhando os demais; No chão dos meus ancestrais; Abro meu peito agora; E ent...

Veja a letra completa da música Quando Me Perco Num Grito


134. Quando O Verso Vem Prás Casa

A calma do tarumã, ganhou sombra mais copada; Pela várzea espichada com o sol da tarde caindo; Um pañuelo maragato se abriu no horizonte; Trazendo um novo reponte, prá um fim-de-tarde bem lindo; Daí u...

Veja a letra completa da música Quando O Verso Vem Prás Casa


135. Quando Se Agranda Um Fronteiro

Quando se agranda um fronteiro de peito aberto; Quebrando a gritos a calma da madrugada; O mundo velho parece que vem abaixo; No rebuliço do bate-casco da eguada; Treme o potreiro na volta da recolhid...

Veja a letra completa da música Quando Se Agranda Um Fronteiro


136. Querência

De fronte ao galpão grande; um cerne de cerrunilha; palanqueador de tropilhas; cravado num chão sulino; sob a luz de um céu divino; o campo que não se entrega; a patria e peito de égua; vai ressabiand...

Veja a letra completa da música Querência


137. Recuerdo

Recuerdo sabe do tempo... Do meu sombrero maniado; E o trotesito largo procurando o teu amor; Recuerdo sabe do tempo, do meu ponchito listrado; Voando na polvadeira de um corredor... ; Recuerdo adoça ...

Veja a letra completa da música Recuerdo


138. Redomona

REDOMONA; Milonga quando te entona Redomona por supuesto; Retoçando no cabresto pra uma sova de bordona; Te achas muy querendona, dona dos meus pensamentos; Que bailam soltos ao vento se o coração se ...

Veja a letra completa da música Redomona


139. Regalo

"Trago esse xote; Que é pra entregar de regalo; Pra quem gosta de cavalo; De ginetiada e bailão"; "E vamos se balançando; num xote veio crioulo; é dois pra lá, dois pra cá; e uma voltinha moçada"; Xot...

Veja a letra completa da música Regalo


140. Regalo À Dom Renato

Estes versos que regalo; Vem da alma em devoção; Pra cantar a jóia rara; Que Dom Renato guardara; No cofre do coração; Com permiço Dom Renato; Meu canto reverencia; Regatando na memória; Esta figura n...

Veja a letra completa da música Regalo À Dom Renato


141. Regional

REGIONAL. PROCEDENCIA – REGIONAL. ; [Declamação]; Regional é uma criolla. Arte, cultura campeira; Um rangido de basteira, um redomão de bocal; Um universo rural num sentimento profundo; Que antes de s...

Veja a letra completa da música Regional


142. Relato do Índio Bochincheiro

A gaita empeçava um choro; num floreio debochado; o baile tava enfezado; china, cachaça e namoro; quando se ouviu um estouro; bem no meio do salão; apagaram o lampião; e um teatino gritou: jogo! e sal...

Veja a letra completa da música Relato do Índio Bochincheiro


143. Retoço Sem Freio

O bailão do Maragato; era um retoço sem freio; onde o chinaredo xucro; matreriava com os arreios; a indiada boleava a anca; gritando formas p'ras loca; que se guasqueavam de lombo; sentindo um ferro n...

Veja a letra completa da música Retoço Sem Freio


144. Retrato de Pampa E Invernada

Destapo a imagem do pago; Sempre que estendo uma tropa; Num corredor aramado; Destes que cortam rincões; A casco, marco as razões... Que povoam o campo aberto; Quando aparto o que é certo; Das mentiro...

Veja a letra completa da música Retrato de Pampa E Invernada


145. Revisada

Tio ''Telmo'' acomoda os potros; Que a revisada é domingo; Vem no rosilho, que é pingo...! Pra garanti a amadrinhada; Me traz a ''Baia Encerrada''; Que eu quero escutar o berro; Quando se cortar nos f...

Veja a letra completa da música Revisada


146. Ritual Crioulo Pra Um Domingo de Carreira

Ritual Crioulo pra um Domingo de Carreira; César Oliveira; Composição: Indisponível; Buçal e cabresto de doze; Uma maneia "nas mão"; Xergão cardado no lombo; Carona, basto e cinchão; Ajusto bem a peit...

Veja a letra completa da música Ritual Crioulo Pra Um Domingo de Carreira


147. Ritual Das Garças

O sol potro colorado se emborca atrás; das coxilhas; E a tarde exausta repousa na cama das; Maçanilhas; Silhuetas singram serenas povoando os; olhos de graça; Aos poucos veste horizonte com o pala; br...

Veja a letra completa da música Ritual Das Garças


148. Ritual de Tropa Larga

Poncho emalado nos tento; E um aba larga pra o tempo; Se acaso se preparar. Me ajeito e largo de novo; Levando o gado pro povo, Oito ou dez dias to lá. ; Capataz dessa grogueira; Me disse que é de pri...

Veja a letra completa da música Ritual de Tropa Larga


149. Roçando As Viria

Vi que a escramuça era um bate coxa; Da indiada froxa nu tranco de vaca; Entrei de espora e chapéu requintado; E o mango colgado no cabo da faca; Cai na dança com a tita beiçuda; Índia graúda duns tre...

Veja a letra completa da música Roçando As Viria


150. Rodeio Em Vacaria

No meu sombreiro tapeado; Levo a Santa protetora; E Ela amadrinhadora; Quando um aporreado berra; O sangue pulsa da Terra; Quando o vento traz o cheiro; De algum retoço grongueiro; Nos \"Campo\" em ci...

Veja a letra completa da música Rodeio Em Vacaria


151. Romance do Mascarado

(Era tordilho o malabruja que lhes falo; bolido não sei de quem e por uns quantos refugado; Maneco Rosa, se chama o negro dos bastos; que vem escorando o golpe desse tal de Mascarado; Peleia braba, co...

Veja a letra completa da música Romance do Mascarado


152. Romance Dos Olhos Negros

Recitado:; "mando um bilhete cheio de boa intenção; Pra uma morena lá do rincão dos machado; Que eu vou chegar num redomão de queixo atado; Flor de gateado que é pelo da tradição."; ; Mando um bilhete...

Veja a letra completa da música Romance Dos Olhos Negros


153. Romance Musiqueiro

Canta, canta a voz do musiqueiro; Num rancho de Santa Fé; Ilume a peiteira do preparo; No rosilho pangaré; Branca, a bombacha de dois panos; Que pra o baile acomodei; Uma faixa e um pala colorado; Que...

Veja a letra completa da música Romance Musiqueiro


154. Romanceiro de Estrada E Posto

Me alcança o mate do estribo morena; Que eu ronco a cuia lhe roubo um beijo e busco a volta; Abano o pala num aceno e a alma chora; E estrada a fora o teu amor me faz escolta; Sempre que a lida me con...

Veja a letra completa da música Romanceiro de Estrada E Posto


155. Romaria Dos Pirilampos

Sempre que morre um campeiro uma flor brota do chão; Do fundo da escuridão, surge uma luz fogoneira; É um gaúcho que renasce no facho de um pirilampo; Coloreando o breu dos campos com sua aura campeir...

Veja a letra completa da música Romaria Dos Pirilampos


156. Ronda de Tropa

"Chapéu grande desabado; E um poncho carnal vermelho; Um corredor desparelho; E um redemuinho de guampas; Zebu cruzado com pampa; Vaca de cria e falhada; Tropa estendida na estrada; E o próprio pago n...

Veja a letra completa da música Ronda de Tropa


157. Rosilho Maleva

O negrinho Zé Machado; Vinha lindo gineteando; Só d'em pelo no aporreado; Pra os dois lados se brandeando; Ia abanando um chapéu preto; Preso atrás com um barbicacho; E o rosilho a golpes secos; Ia be...

Veja a letra completa da música Rosilho Maleva


158. Santo Chão

"Campeio a volta do meu ruano uma trincheira; A meia tarde quando o sol procura o poente; E as Três Marias que recorro dia a dia; Compadecidas vão boleando a alma da gente; Essas legendas que meus olh...

Veja a letra completa da música Santo Chão


159. Se Bamo Embora

O zaino negro tapado se casco com meus arreios; Quando apertei o cinchão, nem tinha botado o freio; Mesmo maneado o veiáco, se boleou matando pasto; Sujou meu pelego novo; Quase arrebenta meu basto; B...

Veja a letra completa da música Se Bamo Embora


160. Serenata Campeira

Quando eu ouço um verso rimado; Na chucra voz de um cantor; Sinto-me às vezes emocionado; Lembrando que sou seu autor; Rimando então me proponho; Cantar para ela uma canção; E pra o violão me transpon...

Veja a letra completa da música Serenata Campeira


161. Sob As Mangas do Aguaceiro

A manga calma se transforma em aguaceiro, O chuvisqueiro desentoca um "campomar"; Que se tolda em cima dum baio-oveiro, Com meu sombreiro que "tombeia" ao desaguar. Fecho seis dias que eu lido no "ala...

Veja a letra completa da música Sob As Mangas do Aguaceiro


162. Sovando Amores E Penas

O vento chegou mui bravo; Sempre campeando um açoite; Vagando dentro da noite; Se entropilham nos anseios; Que se extraviram no rastro; De algum apelo medonho; Que venho costear no sonho; E me encontr...

Veja a letra completa da música Sovando Amores E Penas


163. Tango do Bochincheiro

Na noite grande gaguejava um bandoneon; Vim no rastro deste som, pra baila de cola atada. No rancho velho barreado, tava fervendo o surungo; Eu atei meu matungo bem debaixo da ramada. ; Na porta tinha...

Veja a letra completa da música Tango do Bochincheiro


164. Tirando Boi de Rodeio

Campeio a volta, de chapéu tapeado; Nesse bragado que domei paciente; Pois um cavalo quando é de respeito; Carrega um pouco da alma da gente. ; Quem tira sustento pra mulher e filhos; Do serviço bruto...

Veja a letra completa da música Tirando Boi de Rodeio


165. Tranco de Fronteira

Quando um gaiteiro; Estramela três ilheiras; Neste tranco de fornteira; "Tá" sujeito de bailar; Gosto da marca de largar se rebulhando; China que sai assim olhando; Com ganas de "veiacá"; Eu sou do te...

Veja a letra completa da música Tranco de Fronteira


166. Tropilhas E Ginetes

Uma tropilha aporreada pra ser gaúcha e campeira; Tem que ter cheiro de garra dos ginetes da fronteira; Tem que bufar no palanque e até escorar tempo feio; Sestrosa, maleva e louca ao se negar pros ar...

Veja a letra completa da música Tropilhas E Ginetes


167. Última Lembrança

Eu hei de amar-te sempre, sempre além da vida; Eu hei de amar-te muito além do nosso adeus; Eu hei de amar-te com a esperança já extinguida; De que meus lábios possam ter os lábios teus; Quando eu mor...

Veja a letra completa da música Última Lembrança


168. Um Milongão Dos Veiaco

Aba larga retovado, pala de seda no braço; e o choro fino do aço das chilenas no garrão; encilhei um milongão, não vi que era dos veiáco; e sacudiu os meus caco bem no que sai, do violão; no alambrado...

Veja a letra completa da música Um Milongão Dos Veiaco


169. Uma Milonga Das Buenas

Uma milonga das buenas; Sempre fala da fronteira; Em cavalhada matreira; E choro de nazarenas; Uma milonga das buenas; Me faz lembrar uma volteada; Que um zaino venta rasgada; Por velhaco e sem costei...

Veja a letra completa da música Uma Milonga Das Buenas


170. Velhas Estâncias

VELHAS ESTÂNCIAS; Composição: Roberto Huerta; Estão elas como grulhos de vigia, Grandes sobrados erguidos pra monumentos;; Mangueiras de pedra preta velha, na cozinha, Alvas cortinas bailando num pé d...

Veja a letra completa da música Velhas Estâncias


171. Velório do Juca Torto

Fui no velório do querido Juca Torto; Eu era intimo do morto; Pero mucho mas da viúva; Babava água pesos de terra e trovão; Entrei de chapéu na mão; E poncho encharcado da chuva; Tomei um trago de can...

Veja a letra completa da música Velório do Juca Torto


172. Versos Para Uma Flor

Lembro o brilho do olhar; que ofusca a boieira; O semblante radiante que acende a centelha; Deste meu coração és a flor do rincão; que dá inveja as estrelas; A ânsia do pingo; se afoga na aguada; no a...

Veja a letra completa da música Versos Para Uma Flor


173. Vida de Peão

Com minha mala no ombro chapéu de aba tapeada; Um pañuelo colorado e o pala da cor da geada; Quando o sol mostra o fucinho entre os ramos da canhada; Eu já tô com as troxa pronta esperando na parada; ...

Veja a letra completa da música Vida de Peão


174. Xucro Encanto

Bombeio sombra e requinto a alma do meu sombrero que; uso tapeado; Buçal torcido, rédeas ponteadas e um mouro pampa bem; arrendado; Uma espuma branca molha o bocal; Sinal de doma pra quem compreende; ...

Veja a letra completa da música Xucro Encanto


175. Xucro Ofício

Nem bem clareia e já me encontro chimarreando; Ao pé do fogo que aquenta as madrugadas; Daqui um pouquito o sol desponta no horizonte; To desde ontonte com as idéias engarrafadas; Pra o parapeito do g...

Veja a letra completa da música Xucro Ofício


176. Zamba de Mi Esperanza

Zamba de mi esperanza, amanecida como un querer, sueño, sueño del alma, que a veces muere sin florecer. ; Zamba a ti te canto, porque tu canto derrama amor, caricia de tu pañuelo, que va envolviendo m...

Veja a letra completa da música Zamba de Mi Esperanza