Artista: Célio e Leandro

Letra da Música A Garça de Corumbá de Célio e Leandro

< Célio e Leandro

Abastecido de sorte sem medo de cara feia
Sai das terras paulistas em noite de lua cheia
Com destino a corumbá onde o tuiuiu passeia
Em busca de mais sucesso pra engordar o pé de meia
Naquela terra distante conheci a garça falante
Do corpinho de sereia

Conqustei muitos amigos na base do amor e fé
Realizei pescarias de pacu e tucunaré
Participei de noitadas com viola e tereré
No rancho da arara azul no Mato Grosso do sul
Capital do chamamé

A marca dos meu sucessos em meus arquivo está
Voltei pras terras paulista onde canta o sabiá
A saudade pantaneira veio comigo pra cá
Nos meus sonhos a lembrança da gente boa de lá
Além de trazer dinheiro eu trouxe pro meu viveiro
A garça de corumbá

Conquistei muitos amigos na base do amor e fé
Realizei pescarias de pacu e tucunaré
Participei de noitadas com viola e tereré
No rancho da arara azul no Mato Grosso do sul
Capital do chamamé

Ficha Técnica da Música A Garça de Corumbá

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música A Garça de Corumbá de Célio e Leandro.

Número de Palavras 143
Número de Letras 910
Intérprete Célio e Leandro

Análises de Significado da Letra da Música A Garça de Corumbá

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.