Artista: Cachorro da Duença

Letra da Música À Margem de Cachorro da Duença

< Cachorro da Duença

Sinto a fome impregnar minha carne
Vejo o ódio no olhar do outro
Preconceito, realidade diária
Não escolhi nascer na exclusão
Homens me observam
Dos seus carros de luxo
Temendo a ameaça
De quem está à margem

Ficha Técnica da Música À Margem

Na tabela abaixo você vai encontrar dados técnicos sobre a letra da música À Margem de Cachorro da Duença.

Número de Palavras 30
Número de Letras 234
Intérprete Cachorro da Duença

Análises de Significado da Letra da Música À Margem

Nenhuma análise de significado de letra publicada para esta música.